Biografia
Célia Maria Fernandes Lawson nasceu a 9 de Junho de 1974, em Angola.
1989
Célia muito novinha.
Aos 15 anos (1989) começa a sua carreira musical numa banda de covers, os "Summertime", onde tem a oportunidade de cantar em vários hotéis conhecidos, como o Estoril Sol, o Penta Hotel, o Hollyday Inn, entre outros. Célia canta em Português, Espanhol, Inglês e Italiano.
1992
Célia e Adelaide Ferreira
Aos 18 anos (1992), Célia ingressa nas "Mital", uma banda de originais, formada apenas por elementos femininos. Célia é a guitarrista e a segunda voz.
Nesse mesmo ano faz parte também, do Coro da famosa cantora Adelaide Ferreira, durante a sua tournée.
1993
Célia nos V12
Com 19 anos (1993) é convidada a juntar-se á banda "V12", onde tem a oportunidade de cantar hard-rock e heavy-metal. Com concertos especialmente na área de Lisboa, os "V12" actuaram na "Gare Tejo", "Festas do Sudoeste 93" e na 1ª parte dos Xutos & Pontapés - concertos de Faro. Também nesse ano participa nos "Crash", uma banda de covers de hard-rock, com a qual Célia deu espectáculos em vários bares na área de Lisboa, Costa da Caparica, Vila F. de Xira entre outros.
1994
Festival RTP da Canção
Em 1994, nessa altura com 20 anos, Célia Lawson participava no Festival RTP da Canção, no coro de uma canção escrita por Ramon Galarza e interpretada por Ed Santana, intitulada "Café Majestic". Por esta altura, a imagem de Célia como cantora já se tinha afirmado, nesse ano ela viria a reaparecer na televisão, participando em vários programas, nomeadamente em "Domingo Gordo", um dos programas do Júlio Isidro, na RTP, onde cantou "Don't Let The Sun Go Down On Me", e ainda em muitas edições do "Turno da Noite" na TVI.
1995
Com 21 anos (em 1995), vai participar no primeiro projecto de Girls Band em Portugal, designado por "Huanine", sob direcção de Laura Diogo, constituído por algumas cantoras que, actualmente continuam a dar provas de grande potencial, nomes como Ana Vasconcelos, Beijinha Florentina, Cachucha, Elaisa e Joana Pereira, entre outras.
1996
Chuva de Estrelas
Eis que, em 1996 surpreende-nos com a sua participação em "Chuva de Estrelas" - onde imitou a cantora Oleta Adams com o tema "Don't Let The Sun Go Down On Me" e, classifica-se para a final. Nesse mesmo ano dá mostras do seu bom trabalho como compositora, quando assina um contrato discográfico com o produtor Nuno Carvalho (produtor/manager da boysband Excesso e Anjos) para a Editora Vidisco.
1997
Album First
Em 1997 foi convidada pelo Maestro Thilo Krassman e pela escritora Rosa Lobato de Faria para interpretar o tema "Antes do Adeus", papel esse que desempenhou muito bem, alcançando o 1º lugar no 34º Festival RTP da Canção. Nesse mesmo ano (1997) é editado o seu primeiro álbum "First", CD gravado sob a produção de Nuno Carvalho onde teve a oportunidade de compôr e escrever os temas que integram este seu primeiro trabalho. Autora do poema da música-revelação da boysband Excesso que teve a honra de ter sido nomeada para a canção do ano de 1997 na gala Globos de Ouro, com o tema:"Eu Sou Aquele".
1998
Célia no Canções da Nossa Vida
Em 1998, o produtor António Carvalho convida-a para o cargo de directora vocal. Nesse mesmo ano compõe o tema de estreia da girls band Baby, "Já não Sei" (música e letra) e também trabalha com alguns elementos do grupo Santos & Pecadores, os produtores Kalé e Edu Krithinas. Acontece também a sua participação no programa da RTP 1 apresentado por Diogo Infante sob produção da Endemol Produções Televisivas, Canções da Nossa Vida. No Casino do Estoril actuou como cantora residente no "Wonderbar" acompanhada pelo conjunto musical do maestro José Cabeleira. Teve como colegas Isabel Campelo, Maria João Silveira, Vera Ferro, Marisa, entre outras. Em Imagens A Preto E Prata - A convite da Cantora Rita Guerra, substitui muitas vezes a mesma quando esta se encontra ausente.
1999 Em 1999 assina contratos com a Lx Editora, e Universal Publishing.
2000
Casino do Estoril
No ano 2000 faz a abertura do programa "Chuva de Estrelas", interpretando o genérico. A convite de ToZé Brito, a 24 de Abril de 2000, participa num dueto no álbum de estreia de Francisco Mendes no tema "Só paramos no infinito". Célia, desta vez, a convite do realizador Ediberto Lima, vai interpretar a canção "Faith ( dedicated to Mary )" tema composto por si, nos programas "Roda dos Milhões"; "Muita Louco" e "Santa Casa". Levando a sua voz aos salões do Casino do Estoril, interpreta o tema de Pedro Osório "Memórias a Preto e Prata", no show do Wonderbar Casino do Estoril, e substitui a cantora Rita Guerra no espectáculo "Tempo" do salão Preto e Prata.
2001
Aveiro
Em 2001 fez parte do elenco de cantores do Espetáculo de Canções com História e actuou em vários pontos do país, como por exemplo, Faro e Aveiro.
2002
Album Faith
Em 2002 a Célia Lawson editou o CD promocional "Célia Lawson" e poucos meses depois lança o álbum "Faith".

Sabia que...
Célia Lawson tem uma carreira paralela no ramo dos jingles Publicitários, trabalhando em diversos estúdios em Lisboa tais como Analógico (Fernando Martins), Xangrilá (Luís Pedro Fonseca), Digital Studio (Elvis Veiguinha), Cantinho da Música (Nuno Rosário), Edson Athayde, entre outros, dando voz aos mais variados jingles da Rádio e Televisão:

  • XFM - Produção de Amandio Bastos ( separador oficial da rádio)(1993)

  • Rádio Ocidente - diversos jingles locucionados (1995)

  • RFM - jingles oficiais da estação com a produção de Fernando Martins - Analogico (1996)

  • Diário de Notícias jingles como 40º á sombra , Outonos, DNA. Jingles da autoria de Edson Athayde (produção Analógico)(1996)

  • RFM - Separadores Oficiais da RFM

  • RTP 1 - Separadores oficiais do canal 1

  • RTP 2 - Separadores oficiais do canal 2

  • SIC "Sim ou não" genérico do concurso

  • "Cantigas da rua" Participou no genérico do concurso

  • "Ponto de encontro" A convite de Gustavo Teixeira.

  • Atum Riancheira

  • KIA SHUMAN 'I put a spell on you'

  • Castelos encantados da Cinderela l' WALT DISNEY

  • Castelos encantados da Cinderela ll' WALT DISNEY
  • COLLOGAR - com a produção de Cantinho da música

  • NESCAFÉ - jingle publicitário com produção de Xangrila

  • KLORANE - com produção de Analògico

  • CHUVA DE ESTRELAS - Vozes de coro nos playbacks oficiais do concurso da produtora Endemol desde 1997, com produção de Analógico.

  • COCA-COLA - Dá voz ao jingle de 1999 "Friends"

  • MAZDA 323 - com produção de Pátio das Cantigas.